quinta-feira, 20 de novembro de 2014

***FLAWLESS

Como pode, um ser humano, apenas um, reunir num estádio de futebol, todo o tipo de pessoa que sofreu abusos na história da humanidade???
Logo que fui pro show da Bey, escrevi aqui no Blog, mas é ao longo do tempo que vamos lembrando das coisas... Algumas peculiaridades!
Eu, acostumada à shows de rock, de todo tipo de gente ROCKEIRA, de repente me vi em meio a gente que tinha uma coisa em comum, além do amor pela diva...
Mulheres !!! O show com mais mulheres, e quem é mulher sabe a merda que é ouvir um " tinha que ser mulher mesmo ! "... Quem é mulher sabe o que já sofreu de subestimação, desrespeito, violência, abuso, todo tipo de negação, enfim... Talvez, de todas as pessoas que vou colocar aqui, nós mulheres temos histórias mais tristes... Lembrando que, em alguns países islâmicos, a mulher é vista como uma peste, o demônio em forma de gente, desde o nascimento é negada pelo pai. No ocidente, a coisa " parece " liberal, mas a grande verdade é que nós mulheres nunca vamos nos libertar da maldade dos outros, inclusive de outras mulheres...
Os homossexuais tinha no show, claro, em grande massa! Talvez, esse apoio que a Bey dá para que as pessoas gostem de si mesmas, lutem, prossigam, sobrevivam às divergências do caminho, faz com que todos se sintam à vontade para ser si mesmo, sem se preocupar se isso vai incomodar ou não... Tipo, se a " estrela " aceita, foda-se o resto ! Fora o fato de toda bichona adorar uma DIVA!!!
E outra grande parte de pessoas, de negros, como ela... Essa raça nasceu pra música! O jingado, as vozes maravilhosas, tudo concorre para o sucesso deles... Sofreram com a escravidão no passado, hoje, ainda em grande massa, sofrem doenças e o pior de tudo, a fome, lá na África, sem esperança, sem cooperação...
O que vi no Morumbi, no dia 15/09/2013, em um momento de reflexão, foi um pedido: " Me respeitem! ", em uníssono!
Eram pessoas diferentes, com histórias diferentes, com vidas diferentes, endereços diferentes, mas a vontade a mesma: LIBERDADE !!!
À parte, o show foi um espetáculo, showrei o show inteiro, inclusive em " Single Ladies ", rsrs... Tipo, a dona do vídeo entre os mais fodas do mundo da música estava ali naquele palco, dançando do mesmo jeito, dizendo que tinha saudades de São Paulo.
Acho que a Bey não se tornou uma diva por acaso, ou por nada... Apoio da mídia ela não tem, pois que a mídia só expõe baixaria sobre a vida dos artistas...
Suas músicas expressam o que sentimos, como todas as músicas que amamos...
E talvez o sucesso dela se dê ao fato de que ela faz de corpo inteiro... Não faz só pelo dinheiro, ou só pela fama, ou só porque gosta de dançar...
É tudo isso junto, e imagine estar num palco, olhar 60.000 pessoas gritando só coisas boas a seu respeito... Chorando, sorrindo, depois de um dia de cão numa fila de estádio... E, imaginem-se mesmo! E como ela diz, são os fãs que fazem com que ela tenha a vida que tem! E à esses, tenho certeza, ela jamais vai deixar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário