Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

COMO AJUDAR?

Imagem
Esta semana na FEESP, o tema é sobre a dependência, química - Drogas.
Eu ouvi a senhora falando, e fiquei pensando... Acho que, o que as pessoas em geral, os pais, tem que atentar, é para as causas do ser virar um usuário de drogas...
A DROGA NÃO MATA, o que mata é o grau de tristeza e insatisfações, que chega num ponto onde a droga mais forte não dá conta, não engana, não esconde, por isso a overdose! Mas ser apenas um usuário de droga não mata não... O péssimo de ser um viciado é as consequências: usar todo dinheiro que ganha pra isso, brigas em família, roubo, assassinato...
Estou afirmando que as drogas não matam por si só, porque conheço drogados de vinte, trinta anos de vício, e estão vivões!!!
Prova disso é, muita gente morrer de tristeza ( problemas pulmonares ) , sem nunca ter fumado um cigarro na vida, enquanto que existem viciados em cocaína a vida toda, que ainda tocam rock n' roll nos palcos do planeta todo!!!
Por isso, atentemos para a causa, e sempre ela!!!
Não adianta, …

...

Imagem
Não sei se todo mundo pensa ou quer assim, mas, às vezes, dá uma vontade de piscar os olhos, e ao abrí-los, encontrar minha vida de outro jeito...
O que eu vivo hoje definitivamente não era o que eu sonhava pra mim...
Na verdade, eu sonhava em envelhecer na casa de meus pais, com ambos bem vivos e juntos, velhinhos... Era um sonho infantil...
Eu não fiz planos, e sem estrutura, você não ergue sequer uma parede!
Eu posso começar do zero, agora eu ACHO que sei o que eu quero, ao menos, o que me agrada... Mas, a realização lá pelos sessenta não me dá a vontade de dar o primeiro passo... Primeiro, porque não há garantia de que amanhecerei viva... Depois, algumas coisas vão mudar no mundo e em mim, daqui pra lá, e o que eu quero hoje não será a mesma coisa... Por isso disse, num piscar de olhos, tipo, imediatamente!
Nunca sonhei com nada profissionalmente...
Nunca sonhei com nada afetivamente, e os sonhos de amor começaram na adolescência, com a certeza de que na idade que estou hoje, esse meu …